domingo, 1 de maio de 2011

Apenas uma Mulher!

Quando percebemos já se foram vários dias...
o tempo passa, os dias vão-se rapidamente.
Nesta semana estava relembrando que durante
esses anos  fui chamada de muitas maneiras, 
dentre elas de: "esposa ou mulher de pastor", "pastora",
"pastora auxiliar", "pastora substituta"....
Eu estranho muito quando se referem a mim dessa maneira,
mesmo tendo ouvido várias vezes
fico desconcertada, pois não me vejo deste modo.
Primeiro porque não cursei nenhum "Seminário" e nem
me tornei "Bacharel em Teologia".
Segundo porque sou apenas uma mulher.
Mulher que se casou com um homem
que teve a vocação de Deus para se
tornar um Pastor de almas, servindo
à Igreja do Senhor Jesus, com dedicação e amor.
Sou uma mulher totalmente dependente do Senhor.
Mas, as pessoas, talvez, querendo demonstrar carinho
e/ou crendo mesmo que estão nos trazendo algum
conforto ou elogio, acabam por nos conceder esses
"títulos". Nem sei como responder quando assim falam.
Então, faço como Maria, a mãe do Salvador Jesus, meu Senhor,
em Lucas 2. 51: " ...guardava todas as cousas no coração."
Guardo e levo a Deus. O Senhor é Onisciente Ele sabe.
Sabe que apenas sou um vaso de barro, escolhido por Ele para
a Salvação Eterna e para viver aqui neste mundo como testemunha
viva de Sua Graça e Amor!
Somente anseio em meu coração receber de Deus
a "pedrinha branca, e sobre essa pedrinha o nome novo o
qual ninguém conhece, exceto aquele que o recebe"-Ap.1.17
E assim será glória sem fim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante. Agradeço a sua visita. volte sempre. Abraços da Ethel.